Muitas pessoas ainda ficam bem na dúvida sobre qual a diferença entre MEI, CNPJ e CPF. Isso é algo que nem todo mundo fala e gera bastante curiosidade, então viemos aqui através desse artigo contar quais as principais diferenças entre esses três.

MEI

O MEI foi criado com o objetivo de tirar da informalidade profissionais autônomos e pequenos empreendedores que trabalhavam sem nenhum direito trabalhista e sem nenhum seguro. O MEI se ajusta as necessidades de todos os trabalhadores que atuam de forma autônoma e garante a eles um CNPJ próprio, a possibilidade de emitir notas fiscais e direitos como previdência social.

Esse programa tem o objetivo de facilitar a regularização das atividades econômicas de todos os brasileiros que trabalham por conta própria e ajudá-los a terem assim seus direitos como trabalhadores assegurados.

CNPJ

O CNPJ, Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, consiste no número dado pela Receita Federal na abertura de toda e qualquer empresa. Esse número serve para identificar o negócio e suas respectivas atividades.

O CNPJ basicamente é um banco de dados que é gerenciado pela Receita Federal onde tem armazenado todas as informações cadastrais das pessoas jurídicas que são de interesse da União. A identificação empresarial, que é o CNPJ, é composto por catorze dígitos onde os oito primeiros é a inscrição, os quatro números seguintes representa se a empresa é uma matriz ou filial e os dois últimos são dígitos verificadores.

CPF

O CPF tem como principal função identificar todas as pessoas físicas para futuras contribuições no Imposto de Renda. Além disso o CPF serve para mais inúmeras coisas como por exemplo prestação de concursos públicos, matriculas em universidades, abrir conta em banco, fazer compras e fazer um cartão de credito, devido a isso todas as pessoas a partir dos 12 anos devem fazer o seu CPF.

Uma semelhança entre os três é que a depender de algumas coisas os três devem fazer a declaração do IR 2022, ou do ano em questão. O imposto de renda garante que os benefícios sejam garantidos a todos que contribuem para ele e em caso de contribuintes que pagaram um valor acima do que o determinado a Receita Federal garante a restituição do Imposto de Renda.

Para os dois primeiros casos é importante que as pessoas fiquem atentas a todos os requisitos que fazem parte dos seus direitos e deveres de ser um MEI ou possuir um CNPJ e para quem apenas conta com o CPF também é necessário ficar atento a todos os seus direitos e deveres como pessoa física.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *